The Hot Sardines

The Hot Sardines

Sempre me falaram que 7 dias em NY era pouco, sempre achei um exagero, mas nas minhas férias esse ano comprovei que realmente é pouco, pois, apesar de ter feito todo o trajeto padrão turístico, não consegui fazer uma coisa que estava em meu roteiro: ir a uma casa de Jazz e ver aquelas bandas NY que tocam o bom e velho Jazz ali no seu lado. E olha que eu fiz uma bela pesquisa bem detalhada de qual local ir, mas infelizmente não deu.


Bei Mir Bist Du Schöns (Jacob Jacobs e Sholom Secunda)

E são bandas como The Hot Sardines que eu esperava ver por lá, uma banda que acabei conhecendo porque na semana passada no Manhattan Connection o comentarista e escritor Pedro Andrade indicou como destaque da semana o álbum da banda de Jazz. E procurando um pouco mais na internet achei um vasto trabalho da banda.

>
St. James Infirmary Blues (Irving Mills)

The Hot Sardines é considerada uma das melhores bandas de jazz no momento em NY, sem dizer que ela mantém seu costume de tocar ao vivo e nos lugares mais estranhos, como em lojas de utensílios de cozinha (usando utensílios), estações de metro, dentre outros. Agora é tentar voltar a NY nas próximas férias, em 2015, comprar o CD e ver um show dos caras ao vivo, quem sabe no Joe’s Pub que estava na minha lista.


Bei Mir Bist Du Schöns (Jacob Jacobs e Sholom Secunda) e Diga Diga Doo (Jimmy McHugh) ao vivo no Joe’s Pub NYC

Sds,
André C.

Leave a Comment

Por favor preencha o algarismo que falta para enviar o comentário. *

Related posts