O Melhor e O Pior de 2012 – Parte 1

o-palhaço-junho

E mais um ano ficou para trás e com eles algumas idas ao cinema, muitos filmes vistos em casa e outras horas dedicadas para algumas séries. Em um ano em que reduzi um pouco o número de séries, principalmente porque não busquei séries novas e parei com algumas, foram vistos 116 filmes onde 94 foram lembrados aqui no blog, e então destes sai o já tradicional Top 10 que teve sua prévia no dia 04/07/2012 e você pode acessar aqui.

2012 foi um ano que começou no mínimo diferente com o sucesso de um filme mudo e em preto e branco vindo da França, o sucesso foi tanto que fez do filme um dos maiores vencedores de prêmios no ano passado, em um ano onde filmes como Batman e Os Vingadores eram esperados pelos fãs, e a tecnologia 3D via mais uma chance de finalmente tirar a desconfiança do espectador e se tornar um diferencial para as idas ao cinema, enquanto a TV 3D ainda não decola.

E pelo incrível que possa ser ao mesmo tempo que um filme mudo era o grande destaque, o cinema 3D viu sua melhor aparição em 2012 em um filme sem efeitos especiais, sem aquele orçamento gigantesco por trás, pois foi o documentário Pina de Wim Wenders que usou o 3D de uma forma nunca vista antes. O filme é um espetáculo de dança, cores e imagens em 3D.

Bem, vamos a lista dos filmes que, em minha opinião, foram os destaques do ano, lembrando que não necessariamente são filmes lançados em 2012, mas filmes que eu vi no ano que passou.

1. O Artista – …você se sente dominado pelo filme em grande parte pela atuação da dupla principal… pela música de Ludovic Bource
2. O Homem da Máfia – …a máfia não é apenas uma organização criminosa é um negócio de homens.
3. A SeparaçãoAsghar Farhadi construiu uma pequena obra-prima do cinema atual.
4. Batman – O Cavaleiro das Trevas Ressurge – … filme é um conjunto e é uma obra completa e impressionante de Christopher Nolan.


5. Precisamos Falar Sobre Kevin – … é um tapa na cara de quem o assiste de tanta força dramática, suspense e agonia…
6.  50% – …um filme sensível, honesto e principalmente nos deixa uma lição de vida bonita sobre amizade…
7.  A Pele Que Habito – Louco, insano, aterrorizante e espetacular…
8.  A Árvore da Vida – … um delírio cinematográfico de um cineasta que tem o poder de fazer o que tiver vontade na tela…
9.  Intocáveis – …deste improvável Intocáveis, que mais uma vez é o cinema francês analisando a vida do homem e seus sentimentos
10. Os Descendentes – Alexander Payne conseguiu equilibrar drama e comédia na dose certa, sem nunca exagerar nem em um e nem e outro, usando um roteiro simples.

A lista não teve grandes mudanças se comparada com a de julho. saíram dela A Invenção de Hugo Cabret, O Palhaço e Guerreiro, e junto com estes 3 filmes eu ainda destaco o ótimo Mais Estranho que A FicçãoAté A Eternidade, Namorados para Sempre, Os Vingadores, Toda Forma de Amor Amor a Toda Prova. E como já citei no começo deste post o Melhor Filme 3D que vi no ano foi Pina.

Em julho acabei não fazendo a famosa lista dos piores, mas agora chegou a vez de ver aqueles que realmente foram os piores filmes que eu vi em 2012, e olha que foi complicado ordenar a lista, pois alguns filmes realmente se superaram neste ano que passo.

1. Uma Manhã Gloriosa – é uma sequência de erros que vão desde um roteiro fraco e previsível até atuações fracas e simplesmente exageradas, chegando ao extremo do ridículo.
2. A Hora da Escuridão – .. . um péssimo filme sobre mais do mesmo.
3. Um Homem de Sorte – … deixando a desejar em toda sua estrutura, desde um romance forçado a um vilão exagerado e a um clímax que praticamente não existe.
4. Cilada.com -… a piada e até o jeito de Bruno Mazzeo cansam logo após a primeira meia hora do filme, que ainda bem tem apenas 95 minutos de duração,
5. Catch .44 – … 94 minutos, sem nunca apresentar nada que te prenda a atenção ou que mostre um algo a mais do que um filme que bebe no estilo Tarantino com pequenas doses de Guy Ritchie
6. O Preço da Traição – … um filme que tenta ser várias coisas, mas nunca consegue chegar realmente ao seu objetivo.
7. Um Dia – … é apenas uma tentativa sem força de fazer um filme romântico e inesquecível,
8. Ao Vivo! – Faltou ao filme a ganância que ele queria questionar, faltou ao filme personalidade!
9. Você de Novo – mais é um filme como todos os outros que você já viu sobre o tema.
10.O Último Guarda-Costas – apenas um bom esboço de filme de máfia e redenção, mas apesar de algumas cenas violentas e da boa presença de Colin Farrell o filme fica apenas no quase.

E ainda podemos destacar 12 Horas, Espelho, Espelho Meu, Cowboys & Aliens, E Aí… Comeu?, Os 3 Mosqueteiros e Entre Vinhos e Amores que realmente ficaram abaixo daquilo que eu esperava quando vi o filme.

Na segunda parte deste TOP10 vamos falar das melhores e piores atuações no cinema, além de outros destaques da sétima arte.

Abraços,
André C.

Leave a Comment

Por favor preencha o algarismo que falta para enviar o comentário. *

Related posts