True Blood: And When I Die

True Blood: And When I Die

Admito que estava ansioso pelo final de True Blood, principalmente por causa da maneira que terminou o penúltimo episódio, e até agora não sei se foram as minhas altas expectativas ou se a série realmente teve um ar de final de novela da globo até os 44 do segundo tempo.

Bem, até quase o final do epísódio a melhor coisa tinha sido a bela e sexy Jessica (Deborah Ann Woll) vestida de chapéuzinho vermelho em pleno dia das bruxas, alías, esta foi uma ótima tirada da série, terminar o embate entre Vampiros e Bruxas, no dia dedicado a elas, porém o tão esperado embate ficou um pouco a desejar em minha opinião.

E o resto do episódio parecia com uma cara de que era o último e definitivo episódio da série, parecia se tratar mais de um Series Finale do que de um Season Finale, mas felizmente isso acabou mudando perto do final do episódio, com boas novidades envolvendo personagens que tinham sumido, personagens que nunca acrescentaram muito a série e até personagem importante desde a primeira temporada.

Sinceramente True Blood teve uma ótima temproada, bem melhor que anterior, teve o seu maior climáx no penúltimo episódio e teve uma despedida quase que sem sal, mas conseguiu novamente deixar no ar boas pedidas para a próxima temporada, mas é uma pena que o que é bom dure tão pouco, mas com certeza algusn episódios desta temporada são para ver e rever.

E quem sabe o ano que vem eu não faço uma maratona de True Blood e vejo tudo, desde a primeira temporada, seria uma boa maneira de matar a saudades de Sookie (Anna Paquin), Jessica e cia.

Leave a Comment

Por favor preencha o algarismo que falta para enviar o comentário. *

Related posts