Parenthood – Rubber Band Ball

Parenthood – Rubber Band Ball

ParenthoodParenthood é no momento uma das séries mais agradáveis que venho acompanhando, tanto que na minha volta de férias acabei dando preferência a Lauren Graham e companhia. Desde os créditos iniciais, com a música de Bob Dylan e com a imagem dos atores da série ainda criança, até o final (normalmente uma reunião em família) a série é extremamente boa.

Claro que defeitos existem, ela não é perfeita, mas como são 4 irmãos: Adam (Peter Krause), Sarah (Lauren Graham), Julia (Erika Christensen) e Crosby (Dax Shepard), cada um tem a sua família, cada um tem o seus medos, cada um tem as suas diferenças, as suas neuras, os roteiristas criaram algo muito real e que existem em muitas famílias, sejam americanas ou brasileiras.

Tem o irmão mais correto onde todos recorrem, mas que tem seus medos de não ser um bom pai para um filho doente e para uma filha começando a viver a vida. Tem a irmã que é a mais independente e que precisa aos 38 anos recorrer aos pais, além de ter que criar dois filhos adolescentes e com seus próprios problemas. Tem a irmã advogada, bem sucedida, mas que dentro de casa não consegue ter de sua própria filha aquela confiança que tem na profissão e se sente insegura com o marido. E por fim tem aquele que ainda não cresceu, que vive a sua vida ao seu tempo e que precisa crescer de uma hora para outra.

Sem dizer que tudo isso ainda vem seguido de “coadjuvantes” que são as esposas, maridos, filhos e os pais desta família. Cada um com sua própria vida, com a sua própria maneira de pensar e seguir o seu caminho.

Não é a minha e nem a sua família que tem alguém parecido com o Baverman, mas de muitos e por isso que a série torna-se um drama divertido e bacana de acompanhar, uma vez que sempre queremos saber o novo passo ou o novo drama que aflige os Bavermans.

Tirando todo isso, que dá aos roteiristas um enorme campo para se trabalhar, temos um elenco que a cada minuto se torna mais afinado e melhor, com destaque ao sempre ótimo Craig T. Nelson, que é o patriarca desta família, foi impossível não rir quando ele tenta assustar o namorado de sua neta com a história de que ele podia farejar quem ele quisesse por causa da guerra, e ao mesmo tempo, conseguiu nos deixar sensibilizado com o problema financeiro que tem e que não tem coragem de contar para a esposa. Um grande ator!

Se você ainda não viu Parenthood, deve começar logo, a segunda temporada já foi confirmada!

Abraços,
André


Parenthood (2010)
Canais: NBC (EUA) e People & Arts (Brasil em Abril)
Estréia: 02/03/2010
Último Episódio Visto: Rubber Band Ball (20/04/2010)
Elenco: Lauren Graham, Peter Krause, Monica Potter, Erika Christensen, Craig T. Nelson, Bonnie Bedelia, Dax Shepard, Sarah Ramos, Sam Jaeger, Erinn Hayes e Mae Whitman

Leave a Comment

Por favor preencha o algarismo que falta para enviar o comentário. *

Related posts