Lost: The Incident – Final de Temporada

Lost: The Incident – Final de Temporada

lost-season2.jpgNão sei se só eu esperava mais do último episódio ou se realmente ele ficou um pouco abaixo das expectativas. Não, ele não foi fraco, mas alguns furos, algumas coisas sem necessidade, estragaram tudo.

Não vou ter como não cometer SPOLIER, então se você ainda não viu, como diz o Alexandre, pare por aqui, não continue, aliás, para seu bem vou colocar aqui aquela tag do veja mais, assim você sabe que clicando nela, vai ler SPOLIER. Ok?!

Jacob?! Finalmente vimos Jacob, e não era tudo aquilo que eu esperava. O cara deve viver na Ilha bem antes do descobrimento do Brasil e estava em todos os lugares que precisava para recrutar os passageiros do vôo, desde a infância de alguns, até momentos importantes na vida de outros. O que deu a entender que Kate, Sayid, Sawyer, Jack, Sun,Jim e Locke foram recrutados antes do primeiro avião, já Hugo depois.

Por quê? Ele não tinha que ter estado lá na primeira vez, mas como foi teve ir de novo? Ou ele foi recrutado duas vezes? Aliás, o que interessa isso? Vai servir para algo depois?!

E Jacob, todo poderoso, todo cheio de razão, não sabia o que aconteceria com ele e o falso Locke?! Aliás, ele sabia e avisou, mas um cara que sobreviveu a tudo e a todos que pisaram na Ilha, não conseguiu derrotar um simples Ben?! Sério, parece um pouco simples de mais.

E o que falar da bomba?! Caiu de uma longa distância e só explodiu com uma pedrinha? E a Juliet? Caiu e nada aconteceu, sem dizer que ela foi sugada por uma força capaz de derrubar um avião, puxar carros e derrubar guindastes, e ela toda amarrada em uma corrente, não deveria ter partido no meio?

Não posso esquecer daquele todo drama meloso, de eu te amo, eu vi seu olhar para ela, você ama ele, melhor não conhecer do que perder?!?! Sério?!?! Tudo aquilo no final foi por causa do amor?! Meio sem lógica, não é?!

Quem está chegando? Porque Jacob disse, eles estão chegando! Só falta ser o avião caindo novamente?! Sinceramente, não duvido que a próxima temporada comece com mesmo avião se destroçando no ar e caindo na Ilha, uma vez que Miles (o único que pensa na Ilha) alertou que tudo aquilo poderia ser a real causa da queda do avião.

Vou parar por aqui, antes que o Alexandre venha atrás de mim.

Até,
André C.
______________________________
Para virar, muito mau humor com Lost. É engraçado como o André tem paciência com várias coisas, mas com Lost parece que ele senta no sofá já pré-determinado a odiar Lost. De tudo que ele disse, concordo com uma coisa, o episódio foi um pouco, mas só um pouco abaixo do que eu esperava. Foi um final de temporada muito bom.

Se você está lendo aqui, é porque já leu os SPOLIERS cometidos pelo André, então nem vou avisar… Locke, quem imaginava que Locke estava morto!??! Show!

Claro que Jacob não poderia matar Bem, pois no primeiro minuto da série ele mostrou que acredita na humanidade. Ele não é o responsável pelas coisas ruins da Ilha, ele é o lado bom. O cara que estava com ele e se apoderou do corpo de Locke que era o fdp. Quem imaginava isso que existia um antagonista, um vilão, tão poderoso quanto Jacob?! Shooooooow!

E se o avião cair novamente?!?! Qual o problema?!?! Eu acho que seria Show! Tudo voltando ao começo, uma segunda chance de tudo!

Sei lá mas Lost ainda me fascina e se eu ficar aqui pensando e escrevendo, lendo o que dizem por aí, vou viajar mais. Por isso gosto da série, não é nada trivial, não é tipo 2+2=4, tem algo maior, algo fascinante. E tem gente que gosta de série cheia de melodrama e reclama de um momento assim em Lost! Vai entender!

Abraços,
Alexandre Q.
___________________________

Canal EUA: ABC
Canal Brasil: AXN e Globo
Episódio: 16 e 17
Data Exibição: 13/05/2009
Temporada: Quinta
Nome Episódio: The Incident: Part 1 and Part 2
Criador: J.J. Abrams, Jeffrey Lieber e Damon Lindelof

Elenco Fixo: Naveen Andrews (Sayid Jarrah), Matthew Fox (Jack Shephard), Jorge Garcia (Hugo ‘Hurley’ Reyes), Josh Holloway (James ‘Sawyer‘ Ford), Yunjin Kim (Sun Kwon), Evangeline Lilly (Kate Austen), Terry O’Quinn (John Locke), Michael Emerson (Ben Linus), Henry Ian Cusick (Desmond Hume), Elizabeth Mitchell (Juliet Burke), Madison (Vincent), Michelle Rodriguez (Ana-Lucia Cortez), L. Scott Caldwell (Rose Henderson), Sam Anderson (Bernard Nadler), William Mapother (Ethan Rom), Jeremy Davies (Daniel Faraday), Ken Leung (Miles Straume), Rebecca Mader (Charlotte Lewis), François Chau (Dr. Marvin Candle), Nestor Carbonell (Richard Alpert) e Sonya Walger (Penny Widmore).

0 thoughts on “Lost: The Incident – Final de Temporada

  1. Letícia

    A quinta temporada apresentou alguns avanços na trama ao mostrar Jacob e seu antagonista e tudo o que foi preciso acontecer para que eles se encontrassem novamente para um suposto “acerto de contas”, mostrou que na Ilha existem regras, poderes e interessem maiores (e mais interessantes) do que os almejados por Ben, Widmore e a iniciativa Dharma. Apesar de achar que muitos mistérios não serão esclarecidos, a série está “menos lost” rumo a um desfecho. Há muitas coisas a serem comentadas, mas vou escrever sobre o que realmente me decepcionou nessa temporada: os personagens. Aliás, que personagens? Durante todo o tempo pareciam bonecos manipulados pelos interesses de terceiros, todos os traços psicológicos tão bem construídos durante as quatro temporadas foram abandonados repentinamente, com exceçao de Locke que na sua ânsia de se sentir especial e escolhido se matou (ok, foi o Ben, mas se ele não aparecesse o faria assim mesmo), acreditando estar fazendo parte de algo maior, o que de fato fez sentido. Mas e os outros Oceanic? Nenhuma das razoes que os fizeram voltar para Ilha foram convincentes, desconsiderando a Sun que tinha um motivo forte (espero que tenhamos uma explicação coerente pq todos foram para o passado e ela ficou no presente com Ben e o falso Locke). O Hurley preferia ficar preso do que voltar para Ilha e com uma simples conversa com um estranho em um táxi (baseada no livre arbítrio!) ele volta por livre espontânea vontade! A Kate depois de uma tarde no divã da ex de Saywer, “descobre” que se apegou a Aaron pq estava com o coração partido. Abandona o filho (!) e volta para Ilha com a desculpa de procurar Claire, mas não faz nada para isso, além de ficar atrás do homem que a magoou. E o Jack? Mais lost do que nunca, foi facilmente convencido pelo Ben, quando percebeu que não tinha a menor ideia do que estava fazendo na Ilha, resolveu trabalhar no seu projeto “esquecer Kate” (no melhor estilo “O brilho eterno de uma mente sem lembranças”). Sem falar na situação de Sayid, levado a força por Ilana que em nenhum momento se mostrou preocupada com o sumiço de seu prisioneiro. Onde está a personalidade desses personagens? E os demais? Jin, sabendo que Sun estava na Ilha, se mantinha calmo participando dos planos de Saywer (isso não faz muito sentido pra quem conhece seu temperamento). No caso de Juliet, parecia Carrie Bradshaw de Sex and the City, totalmente desorientada, não se achando digna de ficar com o homem que amava, mudando de opinião todo tempo, geralmente concordando com Kate: “se não pode vencê-la, junte-se a ela”. Esperava mais desses personagens, sinto saudades dos episódios em que eles pareciam interligados por uma série de supostas coincidências, nessa temporada, pareciam apenas fantoches selecionados por Jacob em cenas sem grandes emoções. Esperava menos de Ben, fiquei muito surpresa com o seu desfecho, as cenas em que aparecia frágil, frustrado e desorientado estavam ótimas, mostrou um outro lado do personagem e ainda ajudou a entender muitas de suas atitudes. Essa é apenas uma crítica ao comportamento dos personagens nessa temporada, espero que exista uma razão para estarem tão apáticos. No restante, Lost ainda é a minha série preferida e os mistérios que envolvem a Ilha e compõem a trama superam e muito (!) a superficialidade das razões dos protagonistas.

    1. Letícia, estou até agora pensando neste seu comentário. Sério, que visão! Realmente tenho que concordar com tudo, até os personagens de Lost, não são mais os mesmos. Bem, eu era um fã de Lost, mas fiquei meio que impaciente com a série, mas se cheguei até aqui, vou até o fim.

      Até,
      André C.

  2. Renata

    Parabéns pela visão! Você deveria escrever no site!
    Falta menina aqui!

  3. Letícia

    Obrigada pelos elogios! =)

  4. Rap

    Olá letícia.Seus comentários realmente são ótimos.contudo acredito que nada em lost é por acaso. Mas gostaria de fazer um adendo a questões ainda não exploradas, como por exemplo: a moradia de Jacob (a estatua gigante da deusa egpicia Taweret). Parece bem óbvio que os hieróglifos demonstrando o lostzilla em um ato de oferenda à deusa evidencia civilizações e cultos de adoração.Uma curiosidade: O unico lostie que Jacob falou francamente, foi Hurley? Por que? O que aconteu com Cindy, a aeromoça do Oceanic?

  5. Lulu

    Letícia, muito bom seu comentário! Eu ainda não tinha parado para pensar por esse lado mas fui obrigada a concordar com tudo, os personagens às vezes parecem ter perdido sua essência. Nas temporadas anteriores suas características eram muito mais fortes, por exemplo, se você citasse alguma ação de algum personagem, era fácil identificar quem a realizou porque eles eram bastante caricaturados: “o bonzinho”, “o estressado”, “o engraçadinho”, isso geralmente soaria como uma crítica mas no caso de Lost, eram características muito bem desenvolvidas aos personagens

Leave a Comment

Por favor preencha o algarismo que falta para enviar o comentário. *

Related posts