Força Policial – Pride and Glory

Força Policial – Pride and Glory

forca-policial-poster01O que me chamou a atenção em Força Policial era a dupla principal, Colin Farrell e Edward Norton, principalmente Edward Norton de quem sou fã declarado, mas o que chama a atenção do filme termina por aí.

Não gostei do filme, pois ele tenta ser um drama policial e familiar, mas que no fim das contas não se aprofunda com força em nenhum dos dois, o filme simplesmente passa e acaba deixando muitas lacunas no ar.

Todos sabemos que em qualquer polícia do mundo um tira protege o outro, e a polícia de NY é assim também, e como em qualquer polícia do mundo, existe a corrupção, a ambição, a política e um jogo de interesses. Porém, no meio deste jogo interno da polícia, temos uma família de policiais. Ou seja, uma excelente premissa para um filme.

Logo no início o diretor já nos deixa claro quem tem culpa no cartório e quem é a pessoa mais correta da família, ou seja, o drama policial entra e sai rapidinho de cena deixando um drama familiar, mas que em nenhum momento toma a frente como devia, pois o roteiro é falho em não nos apresentar os personagens de forma coesa. Todas são superficiais e falhos.

Por exemplo, o personagem de Edward Norton tem um passado obscuro e intrigante, mas o que vemos dele?!? Apenas uma cicatriz no rosto e um casamento que não deu certo; A relação entre o pai, policial de respeito e aposentado, e os filhos não parece ser uma relação normal, mas o roteiro também não se aprofunda, nos apresenta uma família que tenta não ver suas diferenças, mas que elas existem, existem.

E assim o filme se desenrola, apresenta alguns fatos interessantes, mas não se aprofunda em nenhum e em minha opinião termina da maneira mais simples e fácil, onde os personagens, a família, acabam nem precisando se confrontar.

Uma bela tentativa de se fazer um bom filme, mas que se perdeu ao jogar muitas boas histórias, sem uma verdadeira história profunda e de impacto.

Até,
André C.
_____________
Sinopse: Uma armadilha faz com que quatro policiais de Nova York sejam assassinados, o que põe em alerta todo o departamento. Francis Tierney (Jon Voight), o chefe dos detetives, pede a um de seus filhos, Ray (Edward Norton), que lidere a investigação sobre o caso. Inicialmente relutante, Ray assume a função tendo em mente que os policiais mortos já trabalharam para seu irmão, Francis Tierney Jr. (Noah Emmerich), e também com seu cunhado, Jimmy Egan (Colin Farrell). De início o caso aparenta ser uma desastrosa tentativa de desmembrar uma quadrilha de drogas, mas aos poucos Ray descobre que alguém denunciou os policiais aos traficantes.

Título Original: Pride and Glory
Gênero: Drama/Policial
País: EUA
Ano de Produção: 2008
Tempo de Duração: 130 minutos
Lançamento Brasil: 27/02/2009
Direção: Gavin O’Connor
Roteiro: Joe Carnahan e Gavin O’Connor, baseado em estória de Gavin O’Connor, Robert Hopes e Greg O’Connor

Elenco: Colin Farrell (Jimmy Eagan), Edward Norton (Ray Tierney), Jon Voight (Francis Tearney, Sr.), Noah Emmerich (Francis Tearney, Jr.), Jennifer Ehle (Abby Tierney), John Ortiz (Sandy), Frank Grillo (Eddie Carbone), Shea Whigham (Kenny Dugan) e Lake Bell (Megan Egan).

0 thoughts on “Força Policial – Pride and Glory

  1. Nossa André, tem muita coisa relativamente nova por ai e e nao estou tendo tempo de ver, esse é mais um que tenho que assistir.
    bjao
    =)

  2. Hmm… Apesar de Norton, não estimula o “apetite”.

Leave a Comment

Por favor preencha o algarismo que falta para enviar o comentário. *

Related posts