Licença Para Casar (License to Wed)

Licença Para Casar (License to Wed)

LicencaSinopse: Ben Murphy (John Krasinski) e Sadie Jones (Mandy Moore) estão noivos e ansiosos para enfim se casarem. Entretanto a St. Augustine, a tradicional igreja da família de Sadie e que é comandada pelo reverendo Frank (Robin Williams), apenas realizará o casamento se ambos passarem pelo famoso curso de preparação de noivos, ministrado pelo próprio reverendo. Sem alternativa, Ben e Sadie aceitam a exigência. Entretanto o curso, que é composto de aulas ultrajantes, estranhas lições de casa e invasões de privacidade, põe em risco o relacionamento entre eles.
 
Título Original: License to Wed
Gênero: Comédia/Comédia Romântica
País: EUA
Tempo de Duração: 90 minutos
Lançamento no EUA: 04/07/2007
Lançamento Brasil: 31/08/2007
Direção: Ken Kwapis
Roteiro: Kim Barker, Tim Rasmussen, Vince Di Meglio, Wayne Lloyd

Elenco: Robin Williams (Reverendo Frank), Mandy Moore (Sadie Jones), John Krasinski (Ben Murphy), Eric Christian Olsen (Carlisle), Christine Taylor (Lindsey Jones), DeRay Davis (Joel), Peter Strauss (Sr. Jones), Grace Zabriskie (Vovó Jones), Roxanne Hart (Sra. Jones), Mindy Kalling (Shelley), Angela Kinsey (Judith), Rachael Harris (Janine), Brian Baumgartner (Jim) e Nicole Randall Johnson (Louise)
___________________________
Comédia romântica, mas com muita mais de comédia do que romance por causa da presença do cara e bocas Robin Williams, que deita e rola, completamente à vontade no papel de reverendo que tenta de todas as maneiras mostrar que um casal que pensa que está pronto para casar ainda precisa de uns ajustes.
Tirando alguns exageros do papel de Williams o filme diverte. Comédia básica, com final obviamente conhecido, mas justamente por ter sido uma comédia e não uma comédia romântica tem algum valor, caso contrário seria mais um filme padrão americano de divertimento.
O filme conta com a possível nova namoradinha da América, Mandy Moore, que parece sempre ter problemas para casar, antes foi com a mãe no filme Minha Mãe Quer Que eu Case e agora com um reverendo. Eu admito que ela realmente é uma bela atriz e está caindo perfeitamente nestes papéis simples e agradáveis.

Até,
André C.
___________________________
Eu não acredito que fui ver este belo filme no cinema. Tirando algumas boas piadas do Robin Willians, o filme não tem nada, simplesmente mostra um reverendo querendo ferrar os noivos e o fim, bem, o fim padrão de comédia romântica.
E esta Mandy Moore entra no time da Drew Barrymore, meninas sem graça e que sempre tem alguém apaixonado. E o segundo filme que vejo com ela, o segundo que ela vai casar e o segundo que os namorados fazem de tudo para não perder ela, no outro inclusive tinham dois brigando pela moça.
Veja em DVD, não precisa ir ao cinema, e veja somente se sua namorada quiser ou ainda se for a última opção para não passar um sábado vendo Zorra Total.

Abraços,
Alexandre Q.

Leave a Comment

Por favor preencha o algarismo que falta para enviar o comentário. *

Related posts