O Super Lobista

O Super Lobista

Fazia um bom tempo que eu queria assistir ao O Super Lobista, desde que coloquei o trailer dele aqui, porém só o vi na última semana e em blu-ray (o filme foi direto para locadoras), e vi quase aquilo que eu esperava, um filme interessante sobre o mundo dos lobistas (profissão legal no EUA) e uma atuação interessante de Kevin Spacey, mas o que eu não esperava era o tom de comédia em alguns momentos, que, em minha opinião, tiram um pouco a força do filme, que tenta mostrar a influência e poder dos lobistas dentro do EUA.

Na verdade este tom de comédia até ajuda a deixar o filme um pouco mais simpático, aliás, com o tom de comédia, o Jack Abramoff (Kevin Spacey) fica mais simpático ao público, que passa até a olhar com outros olhos as tramoias e sacanagens que ele acaba fazendo por causa de sua ganância e sede de riqueza, mas como eu disse no parágrafo acima, esta simpatia pelo personagem prejudica a força do filme como um “filme denúncia” sobre o perigoso envolvimento de políticos com lobistas. Ok, o filme não poupa os políticos, nem o ex-presidente George W. Bush, mas faltou coragem ou talvez atrevimento para ir fundo nesta ferida que prejudica os interesses do povo, em troca de interesses políticos e econômicos.

Apesar disso o filme tem seus méritos, se o roteiro não foi corajoso o suficiente, o filme é muito bem montado pelo diretor George Hickenlooper, que consegue nos transportar para este universo de jogos políticos sem nos deixar perdido, isso é um mérito, pois um filme com tanta informação, que entra dentro de um mundo de ganância e poder, pode deixar o espectador um pouco perdido, mas mesmo assim é bom ver o filme com muita atenção, porém a maneira dinâmica do filme ajuda a entender tudo, além disso tem um Kevin Spacey em um trabalho primoroso.

Aliás, se alguém me questionar sobre o filme, com certeza eu indico pela presença do ator, que está em excelente forma e totalmente a vontade no papel do ganancioso lobista Jack Abramoff. Logo na primeira cena, quando ele ensaia um discurso no espelho, vemos que o ator está prestes a ter uma atuação digna de aplauso. E isso se confirma, uma vez que Kevin Spacey consegue ir muito bem do drama para a comédia naturalmente, sem dizer das suas imitações de diálogos de filmes, que são sensacionais, por isso que é ele quem sustenta boa parte do filme.

O Super Lobista tem a trama certa, um ator de renome em grande forma e um elenco secundário igualmente bem (destaque para Barry Pepper), mas peca demais ao dar mais tempo a comédia do que ao lado dramático do filme, deixando de mostrar mais afundo o quanto a ação de um lobista como Jack Abramoff pode ser prejudicial ao povo e aos cofres públicos.

Até,
André C.

O Super Lobista (Casino Jack – 2010)
Sinopse: Baseia-se na história de Jack Abramoff (Kevin Spacey). Protagonista de uma série de escândalos, Abramoff é um lobista que ganhou fama por influenciar políticos de Washington em troca de favores e esquemas ilícitos que trouxeram prejuízos incalculáveis aos cofres públicos americanos.
Direção: George Hickenlooper
Roteiro: Norman Snider
Elenco: Kevin Spacey (Jack Abramoff), Barry Pepper (Michael Scanlon), Kelly Preston (Pam Abramoff), Ruth Marshall (Susan Schmidt), Graham Greene (Bernie Sprague), Hannah Endicott-Douglas (Sarah Abramoff), John Robinson (Federal Agent Patterson), Jason Weinberg (Snake), Spencer Garrett (Tom DeLay) e Anna Hardwick (Lobbyist #2).

Nota Filme: 3.0

Leave a Comment

Por favor preencha o algarismo que falta para enviar o comentário. *

Related posts