Não Se Preocupe, Estou Bem!

Não Se Preocupe, Estou Bem!

estoubemEstou em uma fase de ver muitos filmes franceses (O Escafandro e a Borboleta, Entre os Muros da Escola, Albergue Espanhol, Bonecas Russas, Há Tanto Tempo Te Amo, Quando Estou Amando, etc), e cada filme que vejo eu chego à mesma conclusão sobre o ótimo cinema francês, eles adoram analisar a vida, o homem e seus maiores medos e sentimentos. A maioria dos filmes franceses que vi nos últimos dias toca na relação humana, vemos na tela pessoas como eu e você, nada irreal e amores fantásticos, ou melhor, amores de cinema, apenas pessoas normais, sofrendo, sorrindo e vivendo.

Obviamente que isso afasta uma imensa quantidade de público, uma vez que estas pessoas preferem ir ao cinema para viver a fantasia e fugir da realidade. Isso, em minha opinião, é uma pena, pois filmes como Não Se Preocupe, Estou Bem!, passam longe dos nossos cinemas, possuem cópias limitadíssimas nas locadoras e ficam normalmente, cheias de pó e esquecidas.

Mas vamos falar do filme, um excelente e doloroso filme por sinal. Um filme no mínimo intrigante e que nos deixa com pensamentos interessantes, sobre o amor e proteção dos pais com seus filhos. Deixa-nos intrigados e pensativos sobre onde começa e onde termina este amor e este cuidado que o pai tem com os filhos, onde exatamente os pais cruzam a tênue linha entre o certo e o errado.

O filme é ótimo por causa das ótimas atuações do elenco e do diretor Philippe Lioret que mesmo caindo, em alguns momentos, em certo exagero na parte dramática, não erra a mão ao conseguir mostrar e mesclar muito bem o drama, a alegria, a dor e a paz em todo o filme.

Os atores estão igualmente perfeitos, pois mesclam esta dor com uma sinceridade incrível e com uma paixão arrebatadora. Destaques para o Kad Merad que vive o pai, que é culpado pela filha e humilhado pelo filho nas cartas e a ótima e bela Mélanie Laurent que estará no novo filme de Tarantino, Inglourious Basterds. Sua Lili é carente, é inocente e aos poucos se torna mulher. Sua transformação dentro do filme é algo muito bacana de se ver, sem dizer que desde já passou a ser candidata a nova musa deste blogueiro.

A música é outro ponto importante e necessário no filme, pois é a música que une os dois irmãos e dá esperança a Lili em reencontrar o irmão fujão. Destaque para o tema da Lili, que você meio que vicia e não consegue parar de ouvir, como já disse no post U-Turn (Lili) – Je vais bien, ne t’en fais pás.

Não Se Preocupe, Estou Bem!, é um filme tipicamente francês: um filme sobre a vida, sobre amor, dor e relações entre pessoas normais e comuns. Pode não agradar a todos, mas mesmo sendo um filme forte e doloroso, agradou e muito este humilde cinéfilo.

Até,
André C.
___________________________

Sinopse: Lili acaba de voltar para Paris depois de passar férias na Espanha. É quando descobre que Loïc, seu irmão gêmeo, deixou sua casa depois de uma briga com o pai. A jovem garota fica furiosa com os pais por deixarem o irmão fugir. Aflita, espera uma ligação do irmão, que não dá sinal de vida. Lili fica muito abalada com a situação a ponto de deixar de comer. Por onde andará o irmão? É essa a pergunta mais coerente e para a qual pretende conseguir uma resposta.

Título Original: Je Vais Bien, Ne T’en Fais Pas
Gênero: Drama
País: França
Ano de Produção: 2006
Tempo de Duração: 100 minutos
Lançamento na França: 31/07/2006 (Lama Film Festival)
Lançamento no Brasi em DVD: 18/03/2009
Direção: Philippe Lioret
Roteiro: Philippe Lioret baseado na obra literária de Olivier Adam
Premiação: César de Ator Coadjuvante para Kad Merad e de Mais Promissora Atriz para Mélanie Laurent; Lumiere de Mais Promissora Atriz para Mélanie Laurent e de Promissor Ator para Julien Boisselier; Étoiles d’Or de Atriz Revelação para Mélanie Laurent e Roteiro Adaptado.

Elenco: Mélanie Laurent (Elise “Lili” Tellier), Kad Merad (Paul Tellier), Isabelle Renauld (Isabelle Tellier), Julien Boisselier (Thomas dit “Grenouille”), Aïssa Maïga (Léa) e Simon Buret (L’ami de Loïc)

9 thoughts on “Não Se Preocupe, Estou Bem!

  1. Não conhecia esse filme, mas deve mesmo ser bom. Estou começando a gostar do cinema francês.

  2. […] foi o ano que conheci Mélanie Laurent. Primeiro ela me encantou com sua inocência no filme Não Se Preocupe, Estou Bem!, depois ela me dominou por completo em Bastardos Inglórios e finalmente fechou o ano fazendo me […]

  3. […] Surpresa: Joseph Gordon-Levitt ((500) Days of Summer) Atriz Surpresa: Mélanie Laurent (Não Se Preocupe, Estou Bem!) Ator Decepção: Joseph Fiennes (FlashForward) Atriz Decepção: Courtney Cox (Cougar Town) e […]

  4. Andrea Nardi

    Caro André. Vocês está coberto de razão quando diz que o filme é uma obra lindíssima que trata com delicadeza as questões humanas.
    Vejo e revejo e não me canso! A cada fim a música tema do filme me põe a pensar e a pensar, tenho vontade de sair andando por aí, sem rumo e refletir sobre vida, agora com um pouco dos olhos Philippe Lioret.
    Este filme é pura poesia!

  5. Samila

    Não cheguei a assistir o filme, mas li o livro, e realmente é interessante!

    1. Priscilla

      Oi Samila,

      Eu vi aqui que você leu o livro que deu origem ao filme. Estou procurando por ele, mas não consigo encontrar em nenhum lugar. Nem nenhuma informação sobre.
      Será que você poderia me informar a Editora e por quem foi feita a tradução desse livro aqui no Brasil??
      Te agradeceria muito!!!!

  6. Alice

    ai mew, eu assisti o filme, ele é lindo *-*
    tem um final, bem chocante, mas quem canta realmente a música Lilly ? Eu preeeeeeeeeeeciso saber, por que ela é muito linda, e eu não a encontro em lugar algum.
    obrigada, beijinhos

  7. oi, eu assisti esse filme, e achei ele realmente lindo, o final, meio trágico, mas chocante, me fez chorar muito.
    Mas eu gostaria de saber, quem canta a música Lilly, realmente, por que eu achei ela linda, mas não a encontro em lugar algum.
    beijos e obrigada se puder ajudar.

  8. Legacy

    quem canta esta musica é U turn Lili – Aaron Lyrics

Leave a Comment

Por favor preencha o algarismo que falta para enviar o comentário. *

Related posts