As Aventuras de Tintin

As Aventuras de Tintin

Acredito que As Aventuras de Tintin cumpra exatamente seu papel de divertir com uma aventura leve, frenética, cheia de reviravoltas e muito bem planejada na mão do diretor Steven Spielberg, aliás, tem horas que parece que estamos dentro de um jogo de video-game de tanta ação e velocidade na tela.

Steven Spielberg se juntou com Peter Jackson (que deve dirigir a provável continuação) e Edgar Wright, além de Joe Cornish e Steven Moffat, e literalmente se divertiu com o filme, é impressionante como As Aventuras de Tintin é um filme muito alegre em toda a sua concepção, desde as cores, nas belíssimas imagens, passando pela boa música de John Williams e terminando com ótimos efeitos 3D.

Aliás, a cena da praça onde começamos toda a ação do filme é algo impressionante, é belíssima e uma das mais bacanas que vi feitas para os efeitos de 3D, a profundidade dela é impressionante e de uma perfeição incrível, sendo exagerado, a cena da praça já vale todo o filme e é uma das cenas mais bacanas que o novo cinema 3D criou.

Depois desta cena, o filme mantém o bom nível de ação e não para nenhum momento para respirar, as cenas em 3D continuam belíssimas e sem abusar, Steven Spielberg consegue dar pequenos sustos na platéia com os pequenos efeitos 3D que parecem sair da tela, ou seja, o ditetor e sua equipe usaram a nova tecnologia 3D de uma forma precisa e inteligente, uma vez que abusaram da qualidade na profundidade e deram ao telespectador um pouco do velho e bom 3D que sai da tela.

O problema do filme, dentre toda a ação e velocidade com que as coisas acontecem é que me pareceu um pouco infantil, uma aventura feita na medida para agradar as crianças, porém a maioria delas não conhecem o Tintin e Milu, personagens criado por Hergé, como o pessoal das casas de 30  e por isso o filme fica ali meio perdido, já que é um pouco infantil para os adultos e é de um personagem ainda desconhecido para as crianças.

Até,
André C.

As Aventuras de Tintim (The Adventures of Tintin – 2011)
Sinopse: Tintim, o garoto-repórter conhecido por todos da região, resolve comprar uma bela réplica de um galeão. O que parecia ser somente uma peça de colecionador, se transforma no início de uma instigante história. Daquelas que Tintim adora investigar. É em meio a essa investigação que conhece o Capitão Haddock, um sujeito de bom coração, mas totalmente atrapalhado e amante do álcool. Porém, o que falta em autoestima para o Capitão, sobra em vontade de descoberta para Tintim, fazendo com que, ao lado de Milu, este se torne um ótimo trio aventureiro.
Direção: Steven Spielberg
Roteiro: Steven Moffat, Edgar Wright e Joe Cornish baseados no personagem criado por Hergé
Elenco: Jamie Bell (Tintin – voz), Andy Serkis (Captain Haddock / Sir Francis Haddock – voz), Daniel Craig (Sakharine / Red Rackham – voz), Nick Frost (Thomson – voz), Simon Pegg (Thompson – voz) e Daniel Mays (Allan / Pirate Flunky #1 – voz).

Nota Filme: 3.0

Leave a Comment

Por favor preencha o algarismo que falta para enviar o comentário. *

Related posts