A Vida Secreta das Palavras (La Vida Secreta de las Palabras)

A Vida Secreta das Palavras (La Vida Secreta de las Palabras)

a vida secretaSinopse: Hanna é introvertida, solitária, misteriosa e trabalha numa indústria têxtil. Ela vai passar as férias num pequeno povoado costeiro, porém aceita trabalhar em uma plataforma petrolífera, para cuidar de Josef, que sofreu uma série de queimaduras que o deixaram cego temporariamente. Com ele trabalham vários outros homens, cada um com uma personalidade marcante.
Título Original: La Vida Secreta de las Palabras
Gênero
: Drama
País: Espanha
Tempo de Duração: 115 minutos
Lançamento na Espanha: 21/10/2005
Lançamento no Brasil: 15/06/2007
Direção: Isabel Coixet
Roteiro: Isabel Coixet

Elenco: Sarah Polley (Hanna), Tim Robbins (Josef), Javier Cámara (Simon), Eddie Marsan (Victor), Steven Mackintosh (Dr. Sullitzer) e Julie Christie (Inge)

___________________________
Filme tedioso, monótono, cheio de diálogos sem muita profundidade, aliás, demora um monte para você finalmente entender as coisas do filme, daí, mas só daí em diante é que você até pode gostar do filme, claro, se você não dormiu antes.
Sem dizer que o final fica previsível, e tem uma voz irritante que fala da atriz principal que você nunca descobre quem é ou o que é.
Sinceramente, mesmo com uma melhora no fim, o filme é o tédio completo e com uma pitada de cansativo.

Abraços,
Alexandre Q.
___________________________
Um excelente filme sobre o ser humano. Um filme sensível e tocante, que mostra como a amizade, a sinceridade, a cumplicidade e confiança podem ser construídas através das palavras, e que podem nos ajudar a superar nossos maiores pesadelos e medos.
O filme mostra duas pessoas, sozinhas, abandonadas e com pesadelos, arrependimentos ou medos em suas cabeças, e mesmo sem nos mostrar qualquer pista sobre estes pesadelos, principalmente no caso da Hanna (Polley), a diretora consegue montar um filme coeso, forte e sem cair no sentimentalismo barato.
As grandes atuações da Sarah Polley e do Tim Robbins, principalmente na cena quase final do filme, seguram o filme com força.
Lento, é verdade, e um pouco arrastado em alguns momentos, mas um excelente filme sobre alma e sobre a vida.

Até,
André

3 thoughts on “A Vida Secreta das Palavras (La Vida Secreta de las Palabras)

  1. Marilza

    O filme é tenso, flui tranquilamente e é esse o tom para que possa mostrar o que muitas pessoas passaram no inferno da guerra e da separação da utópica Iuguslavia, criada no fim da 2ª guerra mundial. Juntaram um monte de “nações” diferentes, sobre uma única égide que culmina com as atrocidades “inhumanas” dos grupos nacionalistas se liberando e fazendo atrocidades, mas o pior é que as mulheres sempre são as mais assediadas e torturadas, é o que mostra uma pequena parte do filme, o que ele mais mostra é a consequencia do que sobrou, retratado pela atriz e magnificamente demonstrado pelo departamento de Direitos Humanos, quando é explicado o porque do filme VHS para que não caia no esquecimento como já se esqueceu de tudo que aconteceu na África com as crianças guerreiras, e daí, vai…
    Realmente a característica do filme não é para ser campeão de bilheteria, mas tem muito que se pensar, mesmo porque nosso mundo não está livre de nos presentear com situações semelhantes, ou já não a temos? Alguem sabe como é a vida em Miamar ou em regiões do norte da Ásia?
    Abraços.

  2. Laura

    Eu gostei muito da música do filme La vida secreta de las palabras. De quem é a música que inicia o filme?
    Obrigada

  3. maravilhoso deveria passar na sesao da tarde tenho e nâo empresto pra ninguem de medo de nâo voltar è lindo

Leave a Comment

Por favor preencha o algarismo que falta para enviar o comentário. *

Related posts