Sylvester Stallone – 66 Anos

Sylvester Stallone – 66 Anos

Quem tem mais de 30, lembra com saudades dos bons filmes de ação e aventura dos anos 80, e um dos caras responsáveis por isto foi Sylvester Stallone, pois ele levou para as telas do cinema dois dos maiores heróis que a minha geração já viu: Rocky Balboa e John Rambo.

Algum tempo atrás os meninos ainda brincavam de polícia e ladrão, pega-pega e até criavam o seu mundo de faz de conta onde viviam seus heróis e aposto que a maioria deles (eu com certeza) um dia amarrou uma gravata do pai, uma faixa do quimono na cabeça como o Rambo e se jogava no chão como se fosse o herói dos cinemas.

Mas esta mesma geração também adorava os filmes de um lutador comum de quinta categoria que acabava virando um herói nacional, e quem também não se imaginou lutando alguma vez como Rocky que atire a primeira pedra, aliás, este blogueiro que escreve neste modesto espaço até tomou ovos crus quando criança, obviamente escondido da mãe.

Apesar de Rocky Balboa e John Rambo nem sempre tenham recebido continuações do tamanho da história que eles já representam dentro do cinema, eles são uma marca clara de que os filmes de ação e os heróis dos anos 80 não foram superados até hoje, apesar de toda a tecnologia e magia do cinema, o carisma e a força dos astros de ação dos anos 80 ainda não foi superada pelos atuais atros do gênero.

Aqui fica meu humilde Parabéns ao contestado, criticado e até difamado Sylvester Stallone que foi responsável por uma das maiores lutas que o cinema já criou, e fez toda uma geração de meninos se empolgar com suas histórias, estas que ainda são emocionantes nos dias de hoje!

2 thoughts on “Sylvester Stallone – 66 Anos

  1. Adilson

    O Stallone é o maior ator que o cinema de ação já viu. Os filmes de hoje não chegam aos pés do Rambo ou do Rocky.

  2. […] já falei o filme é uma bonita homenagem ao legado Rocky, pena que ontem a Academia não premiou Sylvester Stallone com o Oscar, mas além dessa bela homenagem o filme tem alma própria algo que, por exemplo, […]

Leave a Comment

Por favor preencha o algarismo que falta para enviar o comentário. *

Related posts