Bem-Vindo aos 40

Bem-Vindo aos 40

Em Ligeiramente Grávidos eu havia destacado o casal vivido pelo Paul Rudd e pela Leslie Mann, pois eles se destacaram positivamente como um casal em crise, apesar de viverem um casal coadjuvante. Como não fui só eu que vi o potencial dos atores e do casal, Judd Apatow tratou de criar um roteiro em cima do casal e o fez muito bem na primeira metade do filme. Bem-Vindo aos 40 é que é o roteiro é sobre um casal que, apesar de se amar, vive em “crise” e está passando…

Cinco Anos de Noivado

Cinco Anos de Noivado

Em quase 100% dos casos dos atuais filmes de comédia romântica você já sabe o que verá, um filme seguindo a velha linha do casal apaixonado que se ama demais e vive o romance perfeito, porém algo coloca aquele romance e aquela paixão em crise e quando tudo parece perdido, eles voltam a se amar. Cinco Anos de Noivado não foge a regra, é exatamente isso aí, porém até um pouco mais da metade do filme, apesar dos clichês, o filme é simpático e muito interessante. Com produção de Judd…

O Lado Bom da Vida

O Lado Bom da Vida

Podemos definir O Lado Bom da Vida como um filme cativante, daqueles que você não aposta, mas por causa de um roteiro muito bem elaborado e um grupo de atores em excelente sintonia, você se sente totalmente dominado por ele durante suas duas horas de duração, algo que fez O Lado Bom da Vida aparecer com 8 indicações ao Oscar. O grande trunfo para O Lado Bom da Vida ser um filme envolvente e cativante é o bom roteiro de David O. Russell, que pegou 3 temas muito usados em…

Paris-Manhattan

Paris-Manhattan

Em 2012 vi muita coisa boa vindo do cinema francês, um cinema que sabe como ninguém analisar o homem e seus dilemas, mas aqui nesta comédia o cinema francês deixa de lado esse seu lado psicólogo e faz uma homenagem total ao cinema de Woody Allen, algo que fica claro logo que vemos a personagem Alice, a bela Alice Taglioni, conversando com o poster do diretor, mas principalmente pela maneira como a diretora Sophie Lellouche constrói todo seu filme. Longe de qualquer ambição a novata Sophie Lellouche traz para tela…

Para Sempre

Para Sempre

Juntar um casal de protagonistas bonitos é o primeiro passo para fazer uma comédia romântica, depois você cria o casal perfeito antes de uma tragédia na vida deles e com tudo isso você ainda coloca a mensagem dizendo que o filme é baseado em fatos reais, pronto, sucesso garantido e um público, principalmente o feminino, louco para assistir ao filme, porém o resultado final de Para Sempre é muito abaixo do que as expectativas poderiam ser. O problema do filme começa com Channing Tatum, pois ao mesmo tempo que ele…

Um Divã Para Dois

Um Divã Para Dois

Meryl Streep é uma daquelas atrizes que só de ter o nome estampado no cartaz já faz com que todos olhem o filme com mais atenção, mesmo quando é uma comédia romântica extremamente leve e previsível, mas que tem o seu diferencial justamente na presença da atriz e na ótima sintonia com seu par, Tommy Lee Jones. Um Divã Para Dois é um filme totalmente normal, previsível, mas que tem nos seus dois protagonistas os melhores motivos para se acompanhar o filme sobre um casal que depois de 31 anos…

Guerra é Guerra

Guerra é Guerra

Este filme baseia-se no triangulo amoroso entre dois amigos Tuck (Tom Hardy) e FDR (Chris Pine), com a bela Lauren, interpretada pela Reese Witherspoon. Os amigos são agentes da CIA, e acabam se apaixonando pela mesma mulher, enquanto ambos tentam conquista-la, ainda usam os recursos da agência para sabotar o outro. O filme possui ótimas cenas de ação, mas o principal é a atuação dos três atores, que realmente conseguem fazer com que o filme seja uma boa opção para assistir. A ideia de agentes secretos e ou espiões, bem…

Uma Manhã Gloriosa

Uma Manhã Gloriosa

Tirando a trilha sonora que começa com Joss Stone, Uma Manhã Gloriosa é uma sequência de erros que vão desde um roteiro fraco, previsível até atuações fracas e simplesmente exageradas, chegando ao extremo do ridículo. Com 20 minutos do filme a gente já sabe exatamente como terminará, mas nem por isso o filme poderia ser totalmente vazio e com personagens que são uma verdadeira caricatura de qualquer ser humano que você possa se encontrar naquelas situações, principalmente o personagem vivido por Harrison Ford. Não sei se era objetivo do roteiro…

As Idades do Amor

As Idades do Amor

As Idades do Amor é um filme simples, sem muita ambição e deve ser tratado pelo público desta maneira, ou seja, um filme para passar uma tarde agradável, mas sem ter muitas pretensões do que verá na tela. As Idades do Amor não traz nenhuma inovação e nem tenta deixar algo marcante sobre o amor durante suas duas horas de duração, aliás, este longo tempo de duração prejudica o filme que tem conta 3 pequenas histórias, mas que ao chegar na última já parece estar se alongando demais. A culpa…

Quando Paris Alucina (1964)

Quando Paris Alucina (1964)

Faz um tempo que ganhei do meu pai uma caixa de DVDs Audrey Hepburn e entre eles tinha Quando Paris Alucina, filme que ainda não tinha visto e principalmente mal tinha ouvido falar, mas trata-se de um filme inteligente que é uma crítica a maneira americana de fazer filme nos anos 60. Audrey Hepburn talvez seja até hoje o maior exemplo de diva para o cinema, pois ainda é cultuada pelo talento, beleza e elegância que sempre atuou, e aqui ela é uma datilógrafa que precisa ajudar um roteirista a…